2017@phelanmcdermidbrasil

Integração Sensorial

Este texto foi preparado para que os familiares dos portadores da Síndrome de Phelan-McDermid conheçam o que é Integração Sensorial e considerem uma avaliação com um terapeuta ocupacional, especializado em integração sensorial, para identificar eventuais desequilíbrios sensoriais e buscar tratamento adequado. A integração sensorial é uma abordagem usada na terapia ocupacional, e trata-se da habilidade do cérebro de processar e organizar toda a informação que recebe através dos sentidos e preparar uma resposta adequada ao estímulo recebido. Os sentidos são: visual, tátil olfativo, gustativo, auditivo, proprioceptivo e vestibular. Estes dois últimos, algumas vezes menos conhecidos, dizem respeito ao sentido em relação à gravidade e ao movimento. O sentido proprioceptivo dá uma consciência da posição do corpo e o sentido vestibular responde ao movimento do corpo através do espaço e à mudança na posição da cabeça. Ele orienta o corpo em relação ao espaço que o circunda. Quando a integração sensorial é feita de maneira harmoniosa (processamento, organização e reposta) há uma aprendizagem.

No entanto a habilidade do cérebro em fazer tudo isto pode ser deficitária e a isto chamamos de DIS: Disfunção de Integração Sensorial. Isto pode resultar então em atraso das habilidades motoras, de auto regulação, atenção, de estar em ambientes sociais, de acompanhar a escola. Alguns sinais indicativos de DIS são: a falta de força e tônus muscular, ou ainda a má modulação do uso da força; insegurança nos movimentos, falta de coordenação entre os dois lados do corpo, dificuldades em tarefas motoras não familiares, necessidade excessiva em tocar ou cheirar objetos, ou o contrário aversão a toque e carinho por exemplos. Dificuldade em ambientes muito iluminados ou com muitos sons podem ocorrer, assim como insegurança nos movimentos e muitos outros sinais. Crianças típicas podem ter DIS e portadores da Sindrome de Phelan-McDermid ainda mais. A disfunção sensorial então aparece em comportamentos inadequados e na reposta inadequada ao meio. Importante também mencionar que a apraxia global na Síndrome de Phelan-McDermid pode estar presente.

A apraxia global tem forte relação com a disfunção de integração sensorial. A apraxia global define-se por uma dificuldade no planejamento, na organização e na execução motora. Desta forma o indivíduo tem um prejuízo em idealizar uma sequência de movimentos necessários para realizar uma tarefa, ou ainda, mesmo que identifique como organizá-los não é capaz de executá-los no tempo certo e na precisão que os músculos e sentidos são requeridos. Uma dificuldade de ideação não significa uma dificuldade cognitiva, mas sim no planejamento e sequenciamento motor.

A terapeuta ocupacional, especializado em integração sensorial, é a profissional que pode avaliar, diagnosticar e prescrever a intervenção terapêutica de cada paciente.

 

Se desejar buscar mais informações sobre integração sensorial você poderá consultar no Brasil o portal www.integracaosensorialbrasil.com.br e nos Estados Unidos www.thespiralfoundation.org